PUBLICIDADE
publicidade Câmara Municipal de Poço de José de Moura
PUBLICIDADE
publicidade Geral

Prefeitura de Sousa quer que André Gadelha devolva R$ 1,36 milhão

A procuradoria pediu também ao Ministério Público o bloqueio liminarmente dos bens André Gadelha para cobrir os supostos prejuízos
Fábio Barbosa  |  14/06/2017 14:22
noticia Prefeitura de Sousa quer que André Gadelha devolva R$ 1,36 milhão
noticia Prefeitura de Sousa quer que André Gadelha devolva R$ 1,36 milhão

A Procuradoria do Município de Sousa ajuizou nesta terça-feira (13) Ação de Improbidade Administrativa contra o ex-prefeito André Gadelha (PMDB). Foi à sétima ação protocolada contra o ex-prefeito desde que Fábio Tyrone assumiu a prefeitura.

A procuradoria da prefeitura cobra do ex-prefeito a devolução a aos cofres públicos R$ 1,36 milhão. A procuradoria pediu também ao Ministério Público o bloqueio liminarmente dos bens André Gadelha para cobrir os supostos prejuízos.

De acordo com as denúncias apresentadas, o ex-prefeito de Sousa pagou R$ 28 mil de horas extras para ocupantes de cargos em comissão; R$ 344,5 mil pagamento de gratificações por atividades executivas para contratados por excepcional interesse público.

A procuradoria pede ainda a devolução de  mais R$ 71 mil por pagamento por gratificações por atividades executivas para contratados por excepcionais interesses públicos em 2016, e mais R$ 276 mil em virtude do ato de contratação por excepcional interesse público com múltiplos vínculos na Prefeitura.

Click PB