PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
publicidade Geral

Ex-prefeito da PB confessa que cometeu homicídio após discussão

Prefeito foi liberado após depoimento e pode pegar até 30 anos de prisão
Fábio Barbosa  |  22/06/2017 14:48
noticia Ex-prefeito da PB confessa que cometeu homicídio após discussão
noticia Ex-prefeito da PB confessa que cometeu homicídio após discussão

O ex-prefeito da cidade de Umbuzeiro, Thiago Pessoa Camelo, se apresentou à Polícia nesta quarta-feira (21) e confessou ter matado um professor e ex-candidato a vereador. O crime aconteceu no último domingo (18) em Umbuzeiro.

De acordo com a Polícia Civil, Thiago confessou que foi o autor do disparo que vitimou o professor de Educação Física, Guilherme Barbosa da Silva, de 50 anos.

Thiago compareceu com seu advogado à 11ª Delegacia Seccional de Queimadas e foi ouvido pelo delegado Danilo Orengo. Em depoimento, Thiago Pessoa alegou que houve uma discussão com o professor e que, por consequência, ocorreu uma luta corporal.

Ele ainda afirmou que após a confusão os dois foram separados por pessoas que estavam no local e seguiram para seus carros. No entanto, ele explicou que quando estava indo embora a vítima surpreendeu ele que se assustou, sacou a arma e atirou.

O delegado Danilo Orengo vai ouvir ainda outras pessoas para fundamentar mais os procedimentos e remeter o inquérito à justiça que vai determinar se o ex-prefeito deve ser preso ou responderá em liberdade, porém a autoria e a materialidade do crime estão definidas e determinadas.

Após o depoimento, Thiago foi liberado. Ele deverá responder por homicídio qualificado e pode ser condenado a cumprir de 13 a 30 anos de prisão.

Click PB

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
publicidade Patrocinadores