PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
publicidade Geral

Acusado de homicídio em Uiraúna é preso ao se apresentar com advogado

No sábado (1º) a Justiça já havia expedito mandado de prisão contra o acusado
Fábio Barbosa  |  03/07/2017 14:09
noticia Acusado de homicídio em Uiraúna é preso ao se apresentar com advogado
noticia Acusado de homicídio em Uiraúna é preso ao se apresentar com advogado

Edison Pereira de Araújo, conhecido por "Edilson guarda", de 43 anos, casado, vigilante, residente na Rua 2 de Dezembro, em Uiraúna, se apresentou com seu advogado na delegacia de Polícia Civil desta cidade no começo da tarde dessa segunda-feira (3/7/2017).

Edilson é acusado de assassinar na ultima sexta-feira (30) o popular Damião Rodrigues Abrantes, 37 anos. O crime ocorreu durante uma discussão entre vítima e acusado, numa churrascaria localizada no sítio Tigre, que fica às margens da PB-391 (Uiraúna-Sousa). A vítima foi baleada na cabeça e morreu no local.

Mandado de prisão foi expedido um dia após o crime

Ao se apresentar ao delegado Edilson foi preso. Contra ele já existia um mandado de prisão preventiva, expedido no dia 1º de julho (sábado), dia seguinte ao crime, pela juíza da Comarca de Catolé do Rocha, Dra. Fernanda de Araújo Paz.

Edilson  foi conduzido até um hospital na cidade para realizar laudo médico e depois segue para a cadeia pública local.

O acusado apresentava dois ferimentos de raspão na perna e no cotovelo.

REVEJA: Homem é baleado na cabeça e morre na zona rural de Uiraúna

COFEMAC

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE