PUBLICIDADE
publicidade Câmara Municipal de Poço de José de Moura
PUBLICIDADE
publicidade Geral

Vendedores da Paraíba estariam sendo explorados no Pará

Trabalhadores estão em Novo Progresso, na divisa com Mato Grosso, há 90 dias
Fábio Barbosa  |  21/07/2017 13:55
noticia Vendedores da Paraíba estariam sendo explorados no Pará
noticia Vendedores da Paraíba estariam sendo explorados no Pará

Uma equipe de vendedor de “furadinha”, composta pessoas de Cajazeiras e São José de Piranhas, denunciaram ao site Diário do Sertão, que estão em situação difícil no Estado do Pará e pediram ajuda para retornar à Paraíba. “Estamos passando fome há vários dias. Estamos na miséria aqui”, relatou um deles.

A equipe formada por Neguinho Melo, de São José de Piranhas, Carlos Braga e Wandson Kelbys, de Cajazeiras, estão na cidade de Novo Progresso, Pará, no ponto do “Chapéu Redondo, divisa com o Mato Grosso.

Segundo relatos dos sertanejos, o responsável da equipe, que é de Cajazeiras deixou de prestar “assistência” e falta até alimentos para eles, além de ter demitido os três, não teria pagado os “direitos” para que voltassem para casa. “Só queremos voltar é só isso. Pelo amor de Deus ajude a nós”, disse um vendedor.

Segundo informações da equipe, eles estão em Novo Progresso há 90 dias.

O outro lado

A reportagem tentou contato com o responsável, mas sem êxito. A reportagem também entrou em contato com o Ministério do Trabalho em Cajazeiras, que disse tentar contato com os paraibanos na expectativa de ajudar. Já a prefeitura de Cajazeiras, através da Secretaria de Desenvolvimento Humano explicou que é necessário que a família procure ajuda na sede do órgão.

A redação ainda tentou contato com a Polícia Militar, Civil e Ministério do Trabalho da cidade e região no Estado do Pará, porém as ligações não foram atendidas.

Diário do Sertão

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE