PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
publicidade Geral

Filho do técnico Abel Braga morre após cair de apartamento

Rapaz de 18 anos caiu da janela do apartamento onde morava com a família
Fábio Barbosa  |  29/07/2017 18:44
noticia Filho do técnico Abel Braga morre após cair de apartamento
noticia Filho do técnico Abel Braga morre após cair de apartamento

 João Pedro Braga, filho de Abel, técnico do Fluminense, morreu na manhã deste sábado. O rapaz de 18 anos caiu da janela do apartamento da família, no Leblon, Zona Sul do Rio de Janeiro. Ainda não há mais detalhes sobre o acidente.

O treinador comandava uma atividade no CT do clube quando foi informado da tragédia. A delegação nem seguiu para Campinas, local da partida contra a Ponte, domingo, às 16h.

Tão logo soube da tragédia, o Fluminense entrou em contato com a Ponte Preta e fez uma solicitação de adiamento da partida junto à CBF, que prontamente acatou o pedido. O jogo será remarcado para o dia 9 de agosto (quarta-feira).

Assim, o confronto diante do Atlético-GO, marcado inicialmente para o dia 7 (segunda-feira) será antecipado para o final de semana, sendo disputado no dia 5 ou 6 (sábado ou domingo) do próximo mês – respeitando o intervalo mínimo entre dois compromissos.

Após o acidente com o filho de Abel, representantes da diretoria começaram a chegar ao apartamento da família. O presidente Pedro Abad e integrantes da comissão técnica e pessoas próximas prestaram solidariedade ao treinador. Coube ao diretor médico do Tricolor, Michael Simoni, cuidar das burocracias referentes ao corpo de João, que já foi levado para o Instituto Médico Legal.

Segundo informações preliminares, a ideia da família é que velório e enterro ocorram na manhã deste domingo (30), no Cemitério Memorial do Carmo, no Caju, zona portuária do Rio de Janeiro.

Em nota oficial, "o Fluminense Football Club, seu presidente, vice-presidentes, diretores e funcionários prestam suas condolências e manifestam sua solidariedade ao técnico Abel Braga e sua família neste momento de tristeza pela morte de seu filho João Pedro".

O clube decretou luto oficial de três dias.

UOL

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
publicidade Patrocinadores