PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
publicidade Geral

Cantor sertanejo é morto por ex-policial militar em Sousa

A vítima foi sofreu diversos disparos de arma de fogo e ainda foi socorrida com vida para o HR, mas faleceu no caminho
Fábio Barbosa  |  08/10/2017 06:46
noticia Cantor sertanejo é morto por ex-policial militar em Sousa
noticia Cantor sertanejo é morto por ex-policial militar em Sousa

Na tarde deste sábado (7/10/2017), às 16h, foi registrado um crime de homicídio no distrito de São Gonçalo, município de Sousa, Alto Sertão da Paraíba.

Um homem de 48 anos, identificado por Lindocil Rodrigues da Silva, que é cantor, estava bebendo na praça daquela comunidade quando iniciou-se uma discussão com o policial militar aposentado José Juvenal Filho.

A vítima foi atingida por diversos disparos de arma de fogo e ainda foi socorrida com vida para o HR de Sousa, mas faleceu no caminho. Ainda não há informações de qual tenha sido o motivo do desentendimento que levou ao homicídio.

Segundo o Portal G1, a PM ainda informou que o suspeito de matar o cantor serviu a polícia do estado por mais de 30 anos e se aposentou há cerca de dois anos. Quanto à vítima dos disparos, a polícia disse que ele já foi condenado a 30 anos de prisão por ter matado os dois irmãos em São José da Lagoa Tapada, também no Sertão da Paraíba, na década de 1990.

O cantor teria recorrido da decisão em todas as esferas da Justiça e conseguiu se livrar da pena, conforme a PM informou.

O ex-policial suspeito de matar o cantor fugiu do local e a polícia está desde às 17h realizando buscas pela cidade de Sousa e região.

COFEMAC

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
publicidade Patrocinadores