PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
publicidade Geral

Polícia procura homem que transmitiu assassinato pelo Facebook

Homem se vangloriou por ter matado 13 pessoas; ainda não há informações sobre as outras vítimas
Fábio Barbosa  |  17/04/2017 11:01
noticia Polícia procura homem que transmitiu assassinato pelo Facebook
noticia Polícia procura homem que transmitiu assassinato pelo Facebook

A polícia da cidade americana de Cleveland (EUA) busca desde domingo um homem que transmitiu um assassinato pelo Facebook. Em um vídeo de pouco menos de um minuto de duração, Steve Stephens, de 37 anos, que está dentro de um carro, diz: "Vou matar esse cara agora".

Ele desce do veículo e intepela um idoso na rua. Após um barulho, a imagem da vítima — identificada como Robert Goldwin, de 74 anos — é exibida no chão. Stephens foge logo depois.

Em outro vídeo, Stephens afirma ter assassinado 13 pessoas e que ainda desejava matar outras. Ainda não tem informações sobre as outras vítimas.

Stephens tem 1,91m e é negro. As políciais local e a federal (FBI) estão trabalhando em conjunto nas investigações.

— Todo mundo está procurando Steve. Queremos que isso acabe tão pacificamente quanto possível e que se entregue — declarou em uma coletiva de imprensa o chefe da polícia da cidade, Calvin Williams.

Publicidade

— Queremos dizer a ele que sabemos quem ele é e que vamos detê-lo em algum momento — afirmou o prefeito Frank Jackson.

A imprensa local diz que Stephens se vangloriou no Facebook de ter matado mais de dez pessoas em um massacre durante a Páscoa.

Inicialmente acreditava-se que o crime teria sido cometido ao vivo, via Facebook Live. Porta-vozes da rede social, no entanto, negaram a afirmação — Stephens teria feito o download do vídeo do assassinato mais cedo.

O Globo

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
publicidade Patrocinadores