PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
publicidade Geral

Travesti é detida suspeita de esfaquear ex-jogador Warley, na PB

Ex-jogador foi ferido na sexta-feira e segue internado em hospital particular
Fábio Barbosa  |  30/01/2018 13:47
noticia Travesti é detida suspeita de esfaquear ex-jogador Warley, na PB
noticia Travesti é detida suspeita de esfaquear ex-jogador Warley, na PB

Uma travesti suspeita de agredir a facadas o ex-jogador Warley Santos foi detida pela Polícia Civil nesta segunda-feira (30), em João Pessoa. O vídeo de uma câmera de segurança mostra o momento em que Warley caminha pelo bairro de Manaíra, é seguido e depois a pessoa suspeita aparece correndo (veja o vídeo abaixo). O delegado Diego Garcia confirmou que a pessoa detida é uma travesti e foi levada para a Central de Polícia.

Conforme a Polícia Civil, Vitor Coelho, 26 anos, foi encontrado em Cabedelo, na Grande João Pessoa, após o celular de Warley ter sido subtraído e localizado com parentes da suspeita. Vitor confirmou à reportagem da TV Cabo Branco que houve uma briga, nega ter desferido as facadas e nega que houve um assalto.

    "Não foi um assalto. Ele me contratou para um serviço e nesse período, da ida de onde eu estava até o local, me ofereceu a casa dele, eu disse que sim. Ele, do nada, desistiu e quis fazer ali mesmo, sem antes pagar nada. Nisso, eu disse que não e começou a briga", disse Vitor.

A Polícia Civil explicou que vai investigar as duas versões do crime. "Há uma versão ainda conflitante e a partir da oitiva de ambas as partes veremos o melhor caminho da investigação", afirma o delegado Diego Garcia.

Warley Santos, ex-jogador da seleção brasileira, São Paulo, Palmeiras e Grêmio, recebeu alta médica da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no domingo (28). O ex-atleta reagiu bem após nova cirurgia nos pulmões, na tarde do sábado (27).

Ainda de acordo com boletim médico, o ex-jogador encontra-se em um quadro estável, consciente e responde bem ao tratamento. "Warley Santos segue aos cuidados da equipe médica e assistencial, e como parte do processo de recuperação faz sessões de fisioterapia", afirma o hospital em nota.

Vídeos mostram crime e socorro a Warley

Nas imagens divulgadas nesta segunda-feira, Warley caminha em uma rua pelo bairro de Manaíra. Logo em seguida, o suspeito passa correndo atrás dele. A situação é no cruzamento da rua Umbuzeiro com avenida São Gonçalo. O vídeo mostra ainda o suspeito lavando as mãos, após desferir os golpes de faca, e o carro de Warley indo embora do local.

No prédio mora Cláudio Santos, amigo do diretor do Botafogo-PB, que ajudou no socorro e o levou para o Hospital de Trauma. Warley chega de carro ao prédio onde mora o amigo, às 3h46, e desce até a portaria. Dez minutos depois, ele sai do prédio em outro carro, sendo levado para o hospital. Segundo o Hospital de Emergência e Trauma, Warley foi encaminhado imediatamente para o bloco cirúrgico, onde passou por cirurgia.

Perícia no carro de Warley

Uma perícia foi realizada no carro do ex-jogador na tarde desta sexta-feira (26). Segundo a perita Roberta Meira, foram encontrados vestígios de sangue nos bancos dianteiro e traseiro do carro, além de fios de cabelo no banco traseiro. Também foi feito um levantamento de vestígios de pele do suspeito. O material vai ser levado para o laboratório e, com os resultados, vai ser elaborado o laudo.

G1

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
publicidade Patrocinadores