GERAIS

Com reabertura prevista para 2022, Museu do Ipiranga oferece cursos gratuitos pela internet

O Museu do Ipiranga, localizado em São Paulo, fechou para reforma em 2013. As obras, no entanto, só tiveram início em 2019, com previsão de conclusão para setembro de 2022 (o plano é realizar a abertura no dia 7 para coincidir com os 200 anos da Independência). Mesmo assim, o local, que é também uma unidade de ensino e pesquisa da Universidade de São Paulo (USP), manteve as atividades acadêmicas durante todo esse tempo.

Agora, próximo de sua reabertura, o museu prepara uma série de aulas gratuitas com foco em suas futuras exposições - uma tentativa de aproximar o público da instituição.

Os cursos ofertados devem ocorrer de maneira online durante o mês de novembro. As aulas serão transmitidas ao vivo no YouTube e com duração total de seis horas, divididas em dois dias. Elas contarão com recursos de acessibilidade (Libras, legendagem e audiodescrição) e, ao final do módulo, os participantes receberão certificado na categoria de Difusão Cultural, emitido pela Pró-Reitoria de Cultura e Extensão da USP.

Quais são os cursos?

Talvez você se lembre das aulas de história: nos livros didáticos, junto aos textos sobre a Independência do Brasil, sempre havia uma imagem icônica de Dom Pedro I às margens do rio Ipiranga. Essa pintura clássica de Pedro Américo, intitulada "Independência ou Morte", ocupa uma parede inteira no Museu do Ipiranga - e será tema de um dos novos cursos. 

As aulas devem abordar o processo de criação do pintor, com foco na questão histórica, artística e cultural. Além disso, devem ser apresentados os diferentes processos de análise científica da pintura, primordiais para o processo de restauro da obra, que ocorreu entre 2019 e 2021. 


Salão Nobre do Museu do Ipiranga antes e durante as obras de restauro.Hélio Nobre/Divulgação

O segundo curso tem como foco a montagem de uma exposição. Devem ser discutidos, por exemplo, os critérios e caminhos para decisões sobre o quê expor, por quanto tempo e como. Tudo isso, claro, utilizando como base a própria mostra do Museu do Ipiranga.

Cada curso tem 400 vagas disponíveis, sendo 50% delas reservadas a professores e alunos da rede pública. Para as aulas sobre o quadro “Independência ou Morte”, as inscrições vão até dia 5 de novembro, e o curso rola nos dias 9 e 10 do mês, no período da noite. Já para as de montagem de uma exposição, dá para se cadastrar até 19/11, e as aulas acontecerão nos dias 23 e 24, também à noite.

Você pode fazer a sua inscrição clicando neste link.






COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM