GERAIS

Você sabe quais são as etapas da produção de um desenho animado?

Os filmes de animação são uma das categorias mais queridas pelo público global do cinema e se destacam tanto pelos aspectos técnicos quanto pela forte apelação narrativa, comovendo espectadores de todas as idades. Porém, para que as produções saiam de acordo com as idealizações dos estúdios, é necessário um longo processo operacional que vai muito além dos aspectos de roteiro, dublagem, direção de arte, fotografia e outros, já que o próprio conceito de animação (em stop motion, 2D, 2,5D ou 3D) é o verdadeiro desafio.

Pensando nisso, separamos as principais etapas do processo criativo de um filme de animação para você entender como os grandes projetos da Disney, Ghibli, Aniplex e de vários outros estúdios sejam levados adequadamente às telonas.

1. Pré-produção

A pré-produção é a etapa do projeto que consiste em toda a preparação necessária para o planejamento, ou seja, para dar vida ao curta ou longa-metragem. Nesse passo, que poderá durar de poucos dias até duas ou três semanas, os criadores deverão elaborar a proposta inicial e dar vida à obra, finalizando o roteiro e o storyboard -- elemento essencial que transforma o texto em arte visual de quadrinhos --, detalhando montagem de cenas e perspectivas de câmera, incorporando visuais e sons dublados de cenários e personagens, e oficializando a arte conceitual que será a base da direção.

Aqui, são determinados o orçamento, direcionamento de colaboradores -- como artistas ilustradores, editores, roteiristas, dubladores --, recursos necessários e acordos entre distribuidores, a fim de garantir que todos estão cientes do projeto e que deverão respeitar os prazos estabelecidos.

2. Produção

Após a aprovação do briefing estrutural e o correto direcionamento das pessoas para seus departamentos, inicia-se a etapa de produção, elo mais longo e trabalhoso da cadeia onde é colocada a mão na massa. Já com os conceitos de storyboard, sons, personalidades de roteiro e idealização da proposta inicial, os artistas deverão começar a trabalhar na modelagem, animação e composição de cena, tratando dos principais elementos audiovisuais de uma obra cinematográfica.

Caso o projeto seja voltado para animações em 3D ou 2D, ou seja, fundamentado na prática de computação gráfica, os artistas transformam as imagens desenhadas em modelos tridimensionais, operando ao lado de diretores de arte e supervisores de efeitos visuais e de animação para detalhar expressões, aplicar sombras e iluminação, e ajustar contornos físicos para, somente assim, enviar os protótipos para o setor de rigging, onde haverá a renderização e polimento de texturas.

Essa etapa é uma das favoritas para quem gosta de reparar em paletas de cores e para idealizadores que acreditam no poder de uma arte combinada, já que ela resgata efeitos, movimentos da câmera, sombras, texturas, propriedades da luz e relação entre diferentes materiais, criando a comunicação entre as diferentes características da obra.

Em seguida, os animadores e designers de som trabalham em colaboração por um período de no mínimo seis semanas para criar cenas animadas dinâmicas com tudo que já foi feito anteriormente. Personagens se movimentam em cenários e realizam expressões de acordo com suas falas, sons são configurados para acompanhar passos, toques, eventos e todas as situações narrativas, transições de cenas se aliam à montagem para evitar o excesso de cortes e garantir o ritmo do roteiro, e a direção de fotografia se ajusta às superfícies tridimensionais para posicionar luzes, sombras e cores.

3. Pós-produção

A pós-produção é a etapa dos ajustes finos e é praticamente realizada por editores, que ficam responsáveis por corrigir falhas, aprimorar elementos e criar a imagem renderizada final que será distribuída ao público. As tarefas gerais incluem formar a tomada final com o departamento de iluminação, corrigir pinturas e rotoscopia -- redesenhamento de quadros de cenas -- compor elementos de efeitos digitais e ajustar a gradação geral de cores.

Por fim, os editores de som realizam a mixagem de áudio completa após a verificação do material e aprovam o conteúdo para os editores de vídeo, momento em que cenas serão cortadas ou incluídas, novos efeitos serão adicionados, a montagem será organizada e as últimas etapas de análise serão efetuadas após incansáveis visualizações do material.




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM