GENTE | HOMENAGEM

Maestro Geraldo Moisés: 20 anos à frente da BMJMJ
PARABÉNS!


COFEMAC / Arquivo

A maestria ou regência de uma banda de música requer muita responsabilidade e sabedoria. O maestro sempre deve encontrar um equilíbrio harmonioso entre os seus músicos, e, sobretudo, ser organizado para gerenciar ensaios, reuniões, apresentações e manter um constante diálogo com o seu grupo. Esses são exatamente os adjetivos atribuídos ao maestro Geraldo Moisés de Andrade da cidade de Uiraúna. O maestro está à frente da banda centenária Jesus, Maria e José desde o ano de 2001, precisamente no início do século XXI, ou seja, há exatos 20 anos.

Com a aposentadoria do maestro Dedé de Capitão, de saudosa memória, naquele ano, dois maestros experientes passaram a conduzir os trabalhos da banda de música Jesus, Maria e José. Os escolhidos foram os senhores Walter Luz Alencar e Geraldo Moisés de Andrade, ambos receberam a batuta para preservar e comandar a regência da corporação. Os dois maestros reversaram - se na regência da banda até o ano de 2002 quando, então a partir daí, com a partida repentina do querido maestro Walterluz Alencar, Geraldo Moisés assume sozinho a missão de dar continuidade à banda centenária.

 
Geraldo Moisés de Andrade é natural da cidade de Triunfo e passou boa parte da sua infância no sítio Vertentes. O mesmo veio morar com seus pais em Uiraúna no ano de 1965, na Rua Monsenhor Constantino, onde reside até hoje. Casou-se com Maria Margarida Sobreira de Andrade e, com ela, construiu uma família de seis filhos. Em 1967 começou seus estudos musicais com o professor e Maestro Ariosvaldo Fernandes, ingressando na banda de Música Jesus, Maria e José no ano seguinte. Tocou seu primeiro carnaval no ano de 1969 no UTC (Uiraúna Tênis Clube). Um fato curioso é que nesse carnaval o UTC não tinha teto, pois o mesmo havia caído. Na década de 1970, participa ativamente do cenário musical local como saxofonista solo e passeia pelas principais formações musicais da cidade de Uiraúna, fazendo parte dos grupos "os iguais, the help!, os belenitas e RNC - 5".

Logo depois Geraldo Moisés lançou o seu próprio grupo de forró para animar as grandes festas populares da região. O nome do grupo era "Geraldo Moisés e seu regional". Esse grupo animava leilões, casamentos, festas de padroeiras, bailes entre outros, e sempre ao som do seu saxofone, com características únicas de um músico com um sopro inconfundível, que o tornaria referência da classe musical daquela época.



Na década de 1980 Geraldo Moisés inicia uma parceria com o sanfoneiro Marconi de Zéu, o dedo de ouro do sertão. O grupo de Geraldo e Marconi estendeu-se por vários anos e fez história na cidade de Uiraúna. Não podemos deixar de frisar também que depois de tocar muitos carnavais com as orquestras de Dedé de Capitão e de Cícero Ribeiro, o maestro Geraldo Moisés resolveu criar a sua orquestra de frevo no ano de 1985, a orquestra "Liberal do frevo".

Em 1981 passou a ser funcionário público da prefeitura municipal de Uiraúna, como Músico. No ano de 1987, assumiu um grande desafio, o maestro recebeu um convite para trabalhar em outro estado na formação de uma banda de música. Naquele mesmo ano, teve que se ausentar de Uiraúna com o intuito de fundar a banda de música da cidade de Araripina no Estado de Pernambuco, já que até aquela data, não existia banda na referida cidade. A banda continua em atividade até os dias atuais e hoje, podemos encontrar ,em sua formação, ex-alunos do maestro Geraldo Moisés que atuam como solistas e maestro na cidade de Araripina.

O maestro Geraldo, visando o dom de ensinar, concluiu o curso de licenciatura em História pela UFPB, e no ano 1989 ingressou na secretaria de educação do estado da Paraíba através de concurso público. Já no ano seguinte ingressou na secretaria de educação do estado do Rio Grande do Norte, também através de concurso público. Em 1999, passa a integrar a SODAU (Sociedade de Difusão Artística de Uiraúna), como tesoureiro, e dois anos depois  é escolhido MAESTRO da banda de Música Jesus, Maria e José, até os dias atuais.

 
Sobre a sua batuta, durante esses 20 anos de história, a banda de música Jesus, Maria e José participou ativamente da cultura local e da Paraíba. Sobre sua regência a banda centenária gravou dois discos, apresentou-se em várias cidades do estado, como também em outros estados a exemplo da viagem para Pernambuco, onde na ocasião apresentou-se na cidade do Recife a convite da família Fernandes Vieira; Em Teresina, no estado do Piauí, fez brilhante apresentação durante o aniversário de 80 anos de vida do senhor João Claudino Fernandes de saudosa memória; Na cidade de João Pessoa, capital do estado, apresentou-se na orla marítima através de projeto do governo do estado. Arrancou aplausos e emocionou plateias durante os oito encontros de bandas filarmônicas da cidade de Uiraúna que aconteceram entre 2005 e 2012. O maestro enfrentou a luta pela reforma da sede da banda Jesus, Maria e José organizando bingos, pedindo apoio e patrocínio para reerguer o templo sagrado da música local.



Outra ação importante do maestro foi a formação da orquestra Uiraunense de Baile fundada no ano de 2009, com os seus componentes membros e músicos da banda centenária, dando ênfase e enaltecendo o nome de Uiraúna. No período de Carnaval, essa mesma orquestra receberia o nome de orquestra uiraunense de frevo resgatando assim, o nome da orquestra mais conhecida do alto sertão paraibano. A orquestra Uiraunense de frevo, naquela época recém-estruturada, animou os grandes carnavais da Paraíba com apresentações nas cidades de Catolé do Rocha, Sousa, Pombal, Guarabira, Cajazeiras e o grande carnaval da cidade de Uiraúna entre outros.

 
O maestro Geraldo Moisés também atua como compositor e, de sua autoria, saíram às lindas melodias dos dobrados Moisés Luiz de Andrade e do dobrado Jonatas Dantas, que estão gravados e registrados no CD da corporação volume (1) e volume (2) respectivamente. O Maestro Geraldo sempre está se especializando e participando de cursos de regência, a exemplo de um curso de regência ministrado pelo maestro potiguar Padre Pedro, regente do coral Canto do Povo da cidade de Natal- RN, realizado na cidade de Pau dos Ferros.

Não podemos deixar de destacar que o maestro tem um trabalho eficiente usando-se sempre de muita humildade e paciência para resolver e decidir os melhores caminhos para a banda Jesus, Maria e José. O mesmo está contribuindo muito com a música local e deixando um legado inesquecível para a terra dos músicos, já que as duas palavras que melhor definem a sua pessoa, com certeza, são organização e competência.


Galeria de Fotos:





COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



GENTE   |   14/05/2022 17h40

Uiraúna - PB
 




GENTE   |   13/05/2022 13h20

Uiraúna - PB
 

GENTE   |   13/05/2022 10h55

Uiraúna - PB