GERAIS

6 descobertas históricas espetaculares feitas nos últimos 20 anos

Nós estamos sempre aprendendo mais sobre o mundo em que vivemos, o que significa que praticamente todos os dias um cientista ou historiador realiza uma descoberta interessante sobre o mundo ou sobre nosso estilo de vida. Logicamente, entretanto, alguns achados são mais importantes que outros.

1. Queijo antigo


(Fonte: Pixabay)

Depois que o túmulo de Ptahmes foi desenterrado no final do século XIX, o local acabou sumindo de vista novamente. O motivo: nenhum arqueólogo havia feito anotações a respeito da localização da descoberta. Em 2018, porém, a tumba acabou sendo reencontrada e nela foram achados resquícios do mais antigo resíduo sólido arqueológico de queijo já encontrado na história.

2. Os ossos de Ricardo III


(Fonte: Associated Press)

Durante séculos, historiadores chegaram a acreditar que o corpo de Ricardo III, antigo rei da Inglaterra, jamais seria descoberto. Depois que ele foi morto durante a Batalha de Bosworth Field em 1485, o cadáver do membro da realeza acabou sendo enterrado na Igreja Greyfriars Priory em Leicester.

Com o passar do tempo, no entanto, a localização exata da antiga igreja e do corpo de Ricardo acabou sendo perdida e só foi ser redescoberta em 2004, quando uma jovem colegial chamada Philippa Langley se deparou com o túmulo enquanto atravessava um estacionamento em Leicester.

3. Arquitetura feita de mamutes


(Fonte: Wikimedia Commons)

Segundo os pesquisadores, ela havia sido construída com os ossos de mais de 60 mamutes-lanosos. Isso mostra que nossos parentes do Paleolítico já tinham uma ideia de arquitetura e planejaram essa estrutura meticulosamente.

4. Último navio negreiro nos EUA


(Fonte: Wikimedia Commons)

Durante décadas, o que havia acontecido com essa escuna permanecia como um mistério. Mas todo o segredo acabou em 2019, quando arqueólogos marinhos descobriram o navio negreiro enterrado na lama do Rio Mobilo, que corre pelo estado do Alabama.

5. Jogo de tabuleiro de 4 mil anos


(Fonte: Museu do Louvre/Divulgação)

6. Receita de cerveja


(Fonte: Pixabay)

Atualmente, a cerveja é uma das bebidas alcoólicas mais apreciadas pelos seres humanos, porém a sua fórmula original não é nem um pouco recente. Em 2016, arqueólogos chineses descobriram potes e recipientes que eram usados na confecção de cerveja e decidiram analisar os resíduos ainda presentes.

Com isso, eles conseguiram recriar a receita utilizada para a confecção de cervejas há 5 mil anos. O estudo aponta que milho, cevada, lágrima-de-nossa-senhora e alguns tubérculos eram fermentados juntos. A descoberta demonstrou que a cevada já era cultivada na China cerca de 1 mil anos antes do que se imaginava.




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



GERAIS  |   23/05/2022 06h19





GERAIS  |   20/05/2022 12h40