GERAIS

Busto romano perdido é vendido em brechó por 180 reais

Imagine que você queira comprar um item para decorar a casa, mas sem gastar muito. Você vai a um brechó e, no meio do garimpo, encontra um busto que parece ter saído diretamente da Roma Antiga. Na bochecha da estátua, uma etiqueta com o valor: US$34,99 - ou R$180. Você compra a peça e a leva para casa no banco de passageiro do carro, presa pelo cinto de segurança.

Relacionadas
A genial lista de tarefas de Leonardo Da VinciQuem foi Anna Jarvis, a mulher por trás do Dia das MãesNavio de carga medieval é encontrado durante obras na Estônia
No final das contas, você descobre que o busto, de fato, tinha saído da Roma Antiga. A colecionadora de arte Laura Young passou por essa situação em 2018. O brechó em questão ficava em Austin, no estado do Texas, nos Estados Unidos. Chegando em casa, ela percebeu que o busto parecia muito antigo e gasto, então decidiu entrar em contato com especialistas em história da arte da Universidade do Texas e duas casas de leilões.

Essa pesquisa em busca de respostas durou alguns anos. O consultor Jorg Deterling, da casa de leilões Sotheby’s, identificou que o busto fez parte do acervo de um museu alemão décadas antes. Ele colocou a colecionadora em contato com autoridades alemães.

Veio a confirmação do que Young já suspeitava: a escultura tem mais de dois mil anos de idade, tendo sido esculpida entre o final do século 1 a.C. e início do século 1 d.C. O busto fazia parte da coleção de arte do rei Ludwig I da Bavária (um dos estados da Alemanha) no século 19, mas foi roubado durante a Segunda Guerra Mundial. Uma das hipóteses sugere que a estátua foi saqueada por soldados americanos quando a cidade de Aschaffenburg foi bombardeada, e por isso foi parar no Texas.

Young teve que se despedir da estátua que ficou na sua sala de estar por três anos e meio. Hoje, o busto está exposto no Museu de Arte de San Antonio, cidade ao sudoeste de Austin. Ele deve retornar para a Alemanha em 2023.




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM






GERAIS  |   04/07/2022 17h38


GERAIS  |   04/07/2022 15h00