POLICIAIS | Caso Patrícia Roberta

Suspeito de matar Patrícia Roberta é preso em JP
Ele tem 23 anos e estava na casa de um amigo. Uma moto que pertence a ele foi apreendida. Um amigo de Jonathan Henrique G. dos Santos também foi detido nesta terça-feira.


Foto: Walter Paparazzo/G1

Jonathan Henrique G. dos Santos, de 23 anos, suspeito de matar a jovem Patrícia Roberta, foi preso no fim da noite desta terça-feira (27), em João Pessoa.

Ele estava na casa de um amigo, no bairro de Mangabeira II, onde também foi encontrada a moto que teria sido usada para transportar o corpo da jovem até o local onde foi encontrado.

 
Patrícia Roberta veio de Caruaru e estava em João Pessoa, na casa do suspeito, desde a sexta-feira (23), e desapareceu. Desde o domingo (25) que ela não mantinha contado com a famíila. Nesta terça-feira, a Polícia Civil e Polícia Militar iniciaram buscas na região de Gramame, onde fica o apartamento do suspeito, e encontrou o corpo da jovem em uma área de mata no Novo Geisel. Jonathan e Patrícia seriam amigos há dez anos.

Um amigo de Jonathan Henrique, identificado apenas por Marcos, também foi preso nesta terça-feira com bilhetes sujos de sangue que estariam ligados ao homicídio de Patrícia Roberta. Com ele foram encontrados alguns bilhetes que ainda serão analisados. A Polícia Militar suspeita, no entanto, que tenham ligação com o crime.

 
Os dois foram apresentados na Central de Polícia Civil, em João Pessoa, onde permanecem na manhã desta quarta-feira (28) na carceragem.

VEJA VÍDEO
 
Entenda o caso

Patrícia Roberta morava em Caruaru e há dez anos era amiga de Jonathan. Ela tinha viajado a João Pessoa na sexta-feira (23) e se hospedado na própria residência do amigo, mas desde domingo (25) não respondia mais as mensagens da mãe. Na tarde desta terça-feira (27), o seu corpo foi encontrado.


Galeria de Fotos:





COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



POLICIAIS  |   16/06/2021 08h40

Sousa - PB
 

POLICIAIS  |   16/06/2021 08h29

Cajazeiras - PB
 

POLICIAIS  |   15/06/2021 09h00