SAÚDE

Prefeito paraibano morre ao 74 anos vítima de covid
Médico, Lauri Ferreira já havia tomado as duas doses da vacina contra a covid-19, mas foi contaminado pelo novo coronavírus.


Reprodução

O prefeito de Brejo dos Santos, Lauri Ferreira (PSDB), conhecido como Doutor Lauri, faleceu neste sábado (12), aos 74 anos, vítima da covid-19. Ele estava internado em um hospital particular de João Pessoa há duas semanas, para tratamento contra a doença.

Lauri Ferreira da Costa tinha 74 anos. Era médico e já havia sido prefeito de Brejo dos Santos por seis vezes, além de ter ocupado o cargo de deputado estadual da Paraíba entre 1991 e 1994, sendo um dos maiores líderes políticos da região. Seu pai foi, Lavaldino Luiz da Costa, foi o primeiro prefeito do município. Dr Lauri era casado e deixa esposa, filhos e netos.

 

Recebemos com muita tristeza a morte do Dr Lauri, um homem íntegro, que ao longo da vida trabalhou em prol do povo, seja na política ou em sua atuação como médico, profissão que também demonstrava grande zelo. Rogamos a Deus que possa confortar o coração dos familiares por essa perda”, disse o presidente da Famup, George Coelho.

O deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB) emitiu nota de pesar pelo falecimento do prefeito. “Recebemos a notícia da morte com muita tristeza. Um ser humano único, dos mais raros e distintos que já pude conhecer. Bondoso, íntegro, amigo, afetuoso. De um espírito público incomparável. Um amor por Brejo dos Santos sem medida. Nada conquistava tanto Dr Lauri do que trabalhar por sua terra. Será uma eterna inspiração”, pontuou Pedro.

 
A deputada estadual Pollyanna Dutra também lamentou a morte do gestor. “Em minha trajetória política, estive próxima do Dr. Lauri quando ocupei o cargo de presidente da Associação dos Municípios do Médio Piranhas, a Asmep. Lá, sempre tivemos uma convivência muito harmoniosa. Juntos, lutamos arduamente pelo municipalismo e por benefícios para o nosso Sertão. Dr. Lauri era um homem de sorriso fácil, que fazia amigos por onde passava. Hoje, não só Brejo dos Santos, mas todo o Sertão lamenta sua partida”, disse.

VEJA NOTA DE PESAR
 




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM