REGIONAIS

IFPB vai investir em melhorias no Campi de Sousa


Divulgação/Assessoria

A Reitoria do IFPB deu mais um passo importante no planejamento das ações de saneamento e recuperação econômica do Campus Sousa, no Sertão da Paraíba. As medidas propostas pela Reitoria e acordadas com o Campus devem trazer um novo alento para um dos campi mais importantes do IFPB.

Duas reuniões de trabalho aconteceram esta semana, nos dias 7 e 8, sob a liderança do reitor Nicácio Lopes, tendo como resultado um diálogo franco e aberto entre técnicos da Reitoria e do Campus Sousa.

Pela reitoria participaram dos eventos, além do reitor Nicácio, o pró-reitor de administração e finanças Pablo Andrey e o assessor especial Aguinaldo Tejo. Pelo Campus Sousa integraram os trabalhos a diretora geral em exercício Joselma Mendes de Sousa Carneiro, o diretor de administração e planejamento Francisco Jarismar (Marzinho), a chefia do Departamento de Ensino Superior, professora Bivânia Araújo Lins e o chefe do Departamento de Finanças e Contabilidade, Antônio Firmino. O diretor de administração e finanças do Campus Catolé do Rocha, Raniery Antunes, também colaborou com as discussões.

 
O reitor Nicácio Lopes afirmou: “Estamos aqui, presencialmente, neste Campus, porque consideramos o Instituto Federal da Paraíba como uma célula una, indivisível, que não pode ser fragmentada”. O reitor pontou que o IFPB é um sistema único e que desde o princípio da sua gestão em 2014, ele vem motivando a sua equipe na perspectiva de zelar sempre pela integridade, pela eficiência de todas as unidades de ensino do IFPB. “Onde elas estiverem a Reitoria estará presente, atuando”, complementou.

A vinda do reitor e sua equipe para esse encontro conosco foi muito importante para os destinos do Campus, ressalta a diretora geral em exercício do Campus Sousa, professora Joselma Mendes de Sousa Carneiro. Ela acredita que a retomada dos trabalhos presenciais, após o período pandêmico, vai acontecer de forma satisfatória, pois o esforço da Reitoria tem sido muito importante na solução dos problemas internos dos campi e em particular da Unidade em Sousa. “Além das medidas emergenciais propostas, o reitor Nicácio falou da possibilidade de construção de um bloco de salas de aula no próximo ano aqui no Campus”, comemora a gestora.

Aguinaldo Tejo, assessor especial da Reitoria, reconheceu o empenho e a cordialidade da equipe gestora do Campus na recepção ao reitor e sua equipe. “Esse gesto profissional da professora Joselma Mendes e demais integrantes da equipe gestora do Campus contribuiu para o resultado final dos trabalhos, pois alinhamos a proposta de saneamento para o Campus de forma interativa”, enaltece Tejo ao lembrar que o reitor Nicácio Lopes, suspendeu suas férias para comparecer, pessoalmente, ao evento e demonstrar sua solidariedade ao Campus.

Nos últimos meses, sob a orientação da Reitoria, a gestão macro do IFPB esteve focada na realização de estudos e levantamentos que pudessem colaborar com a recuperação, o saneamento e o equilíbrio das contas públicas do Campus Sousa. Uma equipe técnica formada por diretores gerais, diretores de administração e da direção de orçamento da PRAF elaboraram um documento retratando, fielmente, as contas do Campus. Colaboraram também com a formatação deste documento os pró-reitores Mary Roberta (PRE) e Manoel Macedo (PRAE) e o procurador federal Michel Laureano Tores. Todos foram lembrados pelo reitor em tom de agradecimento.

O pró-reitor de administração e finanças, Pablo Andrey, destaca que os encontros que aconteceram nesses dois dias foram fundamentais para o exercício de busca de soluções conjuntas que o momento exige. “Precisamos reconhecer todo o esforço da área técnica do campus, que tem a frente o diretor de administração e planejamento Mazinho, bem como a diretora geral substituta, Joselma, além de Bivania e Firmino, que, com muito espírito público, envidaram todos os esforços junto com a Reitoria na busca do equilíbrio financeiro do campus Sousa”, complementa o pró-reitor.

Para a chefa do Departamento de Ensino Superior do IFPB Campus Sousa, professora Bivânia Araújo Lins, os encontros foram extremamente produtivos, pois de um lado e do outro da mesa estavam gestores comprometidos em encontrar solução para os impasses orçamentários e financeiros que vêm trazendo desconforto para aquela unidade de ensino técnico e profissional. “Creio que esse é o papel do gestor público”, destaca Bivânia.

O diretor de administração e finanças do Campus Catolé do Rocha Raniery Antunes opina sobre esse momento de inquietação no Campus Sousa: “Conheço os problemas do Campus Sousa e como servidor, nativo desta unidade de ensino do IFPB, não poderia deixar de ser solidário e colaborar para que as relações institucionais possam ser fortalecidas internamente e que os problemas sejam resolvidos”. Ele observa ainda que a presença do reitor Nicácio e do pró-reitor Pablo Andrey, por si só, é um gesto solidário, além de “uma demonstração inequívoca de espírito público e de austeridade”.



O diretor de administração e planejamento Francisco Jarismar (Marzinho) saiu do encontro com o reitor e equipe satisfeito e avaliou que as reuniões de trabalho foram produtivas em todos os aspectos. “De todas as discussões realizadas até agora, esses dois momentos foram os mais importantes para a solução das dificuldades que o IFPB Campus Sousa vem enfrentando”, enalteceu Marzinho ao ressaltar que o reitor Nicácio e sua comitiva foram equilibrados nas suas ponderações, demonstrandpo espírito republicano e conciliador quanto aos destinos deste Campus, propondo saídas e propostas inteligentes.
 

Nós entendemos que o diálogo e a atitude dialógica de buscar providências para esse momento de crise pontual, ocorreu de forma interativa que nos levou a um bom termo com medidas e ações necessárias para dar partida a esse processo de revitalização das finanças do Campus Sousa”, esclarece.

 
Ao término da reunião, o reitor Nicácio foi enfático ao destacar que a visita ao Campus Sousa representa um momento de celebração. “Pois nesta data, materializa-se uma pactuação de medidas efetivas de saneamento junto a contratos, repactuação contratuais, suspensão e execução de contratos, de modo que temos a convicção de que no início do próximo ano, nós já teremos a plena recuperação do Campus, o pleno reestabelecimento de sua capacidade de honrar os seus compromissos financeiros juntos aos fornecedores e prestadores de serviços”, concluiu o gestor.




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



REGIONAIS  |   20/09/2021 09h03

Sousa - PB
 




REGIONAIS  |   20/09/2021 06h30

Sousa - PB
 

REGIONAIS  |   08/09/2021 18h57

Sousa - PB